Dia do Esportista (19/02)

Por Giovani Sturion:
Triatleta de Curitiba

O esportista, ao praticar exercícios físicos, coletiva ou individualmente - e com método -, está aperfeiçoando a atividade de seu corpo e mente.

Nessa atividade, ele emprega sua força, sua habilidade e inteligência (em conjunto ou separadas), seguindo regras pré-fixadas.

O objetivo é vencer os adversários que enfrenta direta ou indiretamente. Daí concluírmos que, apesar de em alguns esportes o homem precisar dominar uma máquina (automóvel, moto, lancha etc), a natureza (alpinismo, natação) ou mesmo os animais (caça subaquática, hipismo etc).

O esporte teve sua origem da competição entre homens ou grupos de homens.

Registro de ótimos treinos:

Apenas gostaria de dizer que deixo registrado meus ótimos treinos.
Não que eu não treine nos outros dias.
Apenas regitro os ótimos treinos
Os outros dias, são dias normais do tipo: Nadar de 3km a 4km e correr 15km por exemplo.

TREINO de QUINTA-FEIRA 26/02

Bike: 58 km com 34.7 km/h de média
Fato interessante foi que iria apenas sair para rodar, mas logo que entrei na pista, um caminhão BiTrem que carrega açúcar cristal para a Coca-Cola me passou, ai logo na subida eu passei ele, ai ele me passou de novo, ai na subida do pedágio passei de novo...... E foi assim até Araras. Fui muito forte, mas no final claro que o caminhão venceu.
Ai voltei mais fraco, mas a média ainda deu boa 34,7

NATAÇÃO:
Treininho simples -

10 x 400m (a cada 6 minutos)
10 x 200m ( a cada 3 minutos)
10 x 200m ( a cada 2 min 45 seg)
20 x 100m ( a cada 1 min 30 seg)
200m solto
TOTAL : 10.2 mil metros

No final do dia, saí travado da piscina, mas muito feliz!!

Louco?? Nadar travessia??
Não
Esse é o único jeito, se eu quiser um 5 lugar na categ no IronMan e tentar a sonhada vaga para o Hawai.
Não existe outra maneira, para tentar ganhar de feras como Toni Ferreira, Thiago Menuci, Bruno Nobrega, além de outros ótimos brasileiros, fora os gringos. Só na minha categoria são 135 atletas.

Algumas dicas de Arthur Silva, técnico da Run&Fun Assessoria Esportiva

Algumas dicas para você pensar para treinos longos:

Tente dar uma dosada nestes volumes de treino, não fazendo um treino forte em cima do outro. Tipo pedalar 180Km no domingo e já socar treino forte na segunda.

Quanto a alimentação, percebi que você só comeu gel durante o treino dos 186km de bike domingo, como ainda está em fase de experiências, tente levar nos treinos longos, batata, mandioca, inhame, castanhas, e uva passa, o corpo precisa destes carbos, só gel e BCAA é foda, é bom comer algo forte e salgado, tenho certeza que você sentirá diferença.

Outra coisa é o café da manhã antes destes treinos, parece brincadeira, mas você pode mandar mandiocas ou até um prato de macarrão antes destas loucuras de treinos, você ficará muito mais forte.

Nos treinos você só perde, é o chamado catabolismo, você só ganha no anabolismo, que ocorre nos descansos, dias de off e com uma boa alimentação. Não é só nos treinos que você tem que comer, suas refeições devem conter arroz, feijão, frango, milho, batata, mandioca, inhame e folhas.

Bom, estes são alguns toques para você melhorar ainda mais.

Abraços e bons treinos.

Arthur
arthur@runefun.com.br

Terça-Feira de carnaval

Belo treino hj pela manhã.
Eu e o Murilão... meu técnico
Apenas para registrar mais um ótimo treino de baixo de muito calor

Transição
2km Natação
100km Bike
9km Corrida

Valeu pela compahia Murilo
abs
ciro

Registrando os treinos do fim de semana

Treinão no sádado logo pela manhã:
saí de casa as 5e30 da manhã correndo rumo a Aguaí.
Quase cheguei no limite de município.
Corri 39km em 3h02. Médias de 4´27´´ por kilometro, num percurso bem difícil, com subidas e o tempo todo no asfalto.
No almoço nadei 3km leve, bem leve



Domingo: Longo de bike

Ontem....domigão de Carnaval, acordamos as 4h da manhã e rumamos para SP.
Eu, meu pai, Paulo Pedra Pedrazzini, e Murilão para fazer um longão de bike.
No posto da Pamonha encontramos o Arthur RunFun Silva, técnico da Run&Fun assessoria esportiva e triatleta....... e a bela Ariane Gomes, triatleta profissional.








Bom.....antes disso, no sábado a noite, enquanto eu esperava o senhor Pedrazzini que viria dormir em casa . . . recebo uma ligação no celular 011.
Atendi... era a Ariane, perguntando sobre o treino do dia seguinte.
Ela queria saber se poderia fazer o treino junto. E eu disse que claro que poderia, seria um prazer ter uma triatleta profissional no pelotão.... então ela perguntou:
``Mas vcs estão pensando em pedalar pra quanto de média??´´
E eu falei:
``Bom, sei lá... talvez uns 30 de média´´
Ai ela falou:
´´Nossa, mas 30 de média é muito devagar, não podemos ir mais rápido?´´
Ai eu falei:
Bom... sei lá né.... não sei se vamos conseguir não.... mas amanhã a gente vê...

Acordei as 4h da manhã e nem sinal do Pedrazzini, ele chegou as 4:45, já falando pro Murilão:
´´Sabe quem é esse Arthur que vai vir com nós hj?? O cara é muito forte pra pedalar.... ele meteu 4h58 nos 180km do Iron Brasil 2008´´.

O Arthur realmente é um animal pra pedalar.... puxou praticamente todo o percurso, olhando no maldito cateye e falando:
´´Tamo mantendo a média de 36´´
E eu pensando em quebrar aquela merda de reloginho para ele ir mais devagar.
Teve uma hora, na Bandeirantes nova que andamos mais de 7km com média de 43 km/h, num lugar +/- plano e sem vento, o Arthur puxando....
E a Ariane andando junto o tempo todo.... O tempo todo ela andou junto!!
Na subidona de Araras, já com 165km nas costas, como conheço muito bem o trajeto, coloquei na frente e vim subindo a 22, 23km/h, dava uma olhadinha e via ela na roda. Eu pensava: Não é possível!!! Ela ainda ta na roda...... ela subiu comigo a subida inteira, só ficou pra trás por que eu puxei mesmo, fiz força pra largar ela.
Fiquei impressionado!!
Ela é muito forte!
Além de muuuuito gata, ela é muito forte!!
Fiquei no meio de 2 feras os 186km
Fechamos o treino pra 34,6km/h de média....
Até Araras estavamos com 36,2, (graças ao trator Arthur),
mas de Araras pra cá....todo mundo sabe com é, então a média claro que caiu.
Chegamos em casa, e relaxamos na piscina tomando muito líquido e comendo melancia.
Foi um PUTA TREINO!!!
Gostaria de agradecer a todos pelo domingo, começando pelo meu pai que teve a boa vontade, e a paciência de nos ajudar dando a cada 30km alimentação, e as bebidas sempre geladas.
Parceiro de treinos Murilão e Pedrazzini, e a compahia da Ariane e do trator....ops quer dizer.... o Arthur.








Valeu!!!
ciro
-------------------------------------------------------------------------------------------------

-O mais perto que já cheguei da FRANÇA!!!!

Esta ai a prova:
França apenas 240km
Até que não é tão longe assim...















OBS: placa antes do posto Graal chegando em Araras....apenas fiz uma brincadeira, e colei um esparadrapo na placa.

Ótimos treinos Quarta e Quinta

Apenas para deixar registrado os ótimos treinos que fiz nos últimos dois dias:

Quarta:
Natação-> 10 x 400m pra 5 min 30 seg fechado ( médias de 5´15´´)
Total: 4000 m

Bike--> 83 km Speed pra 35 km/h de média (Percurso com subidas)

Quinta:

Bike -> 50 km Speed pra 34 km/h de média (Percurso com subidas)

Natação -> 2 x 10 x 400m pra 6 min fechado ( médias de 5´32´´)
Total: 8 0 0 0 m

Gostei muito dos treinos, principalmente dos 8km de natação de quinta, é um treino muito longo, quase 2h de esforço. O bom é que depois de um treino desse, a gente sai quebrado mas muito feliz.
Sexta só vou rodar corrida e natação, pois tenho dois treinos gigantes no fim de semana
Abs
ciro

Treinão no sábado!!!
















Por Davison Sant´anna:

Galera, é isso que temos de preservar....... a amizade!!!!
www.davisonsports.blogspot.com
Num sábado de muito vento, garoa, muita disposição e muitos atletas...
Estavamos nós: Eu, Davison, Maurício (vulgo cabeça), Fábio Venancio, Fábio, Marcião, Thomaz, Luigi, Paulinho (o risadinha), esses de Limeira.
Otávio e Marcelinho (Munraaaa) de Araras e Ciro Violin do Leme (RJ) rsrsrssrsr, saindo de Limeira para mas um treinão longo.

O treino foi simples:
Saimos de Limeira sentido São Paulo (wet´n wild), no parque aquático (90 km de Limeira), onde estava rolando uma competição de maratona aquática, nas metragens de 1km, 2km e 4km.

Ao longo do caminho, encontramos muitas galeras pedalando pelo tapete que é a Bandeirantes, mas em especial a turma de Americana e Santa Barbara, Willian, Fredão e outros amigos que não me lembro o nome, que se juntaram a nós e foram até a metade do caminho, pois muitos não foram até o parque nadar.

Saimos a 7:45 de Limeira, previsão de chegada as 10:30 no parque, chegamos!!!!
Mas detonados pelo vento e pela garoa..... menos o Ciro e o Thomaz, que ainda deram um tiro e deixou todos para trás nos últimos 10km, onde tentei ficar de roda, mas minha frequencia não deixou, passando dos 200 bpm.

Nadamos 2km, onde todos tiveram caibras durante a natação(Davison, Maurício, Luigi, Thomaz, Marceinho, Otávio, e eu fui o único rebocado pela lancha, e o Ciro, não contente, nadou os 4km para 49 minutos, saindo dando risada e falando "Tive uma caibrinha agora no final" quer dizer!!!!Vai se foder Ciro!!!!

Aqui fica o convite para todos! Para os próximos treinos

Postado por Davison Venâncio Sant'anna no Davison Sports em 2/15/2009 07:18:00 AM

Alguém viu por ai????













Ontem após o prologo que abriu o tour da Califórnia 2009, a bike do Lance Armstrong foi roubada junto com mais 3 bikes da equipe Astana. A equipe esta oferecendo uma recompensa em dinheiro para quem souber algo a respeito.

Lance Armstrong obteve a décima colocação no prologo. O grande campeão foi o suiço Fabian Cancellara.

Fonte: Postado por Sérgio Renault Gomes

Uma bike desta custa no mercado cerca de 15 mil dolares. Mas no `mercado negro´ europeu chegara a valer 30 mil dolares, só por ser de Lance.
Acho que nunca mais vão acha-la
ciro

Triathlon Internacional de Santos 2009




G-1
Essa é a abreviação de GERAL - 1
Isso mesmo!! Primeiro lugar GERAL Amador no Internacional de Santos 2009
Prova de olímpico com natação de MeioIronMan, já que nadamos 1800m, pedal sem vento e muito calor na corrida.
Ganhei bem ganhado, sendo o único a fazer a prova abaixo das 2h, e com uma folga de 4minutos para o segundo colocado. O tempo total foi alto por causa da natação, que tinha muito mais de 1500m.
Saí da água com quase 24min, pedalei pra 58min e corri pra 35min.
Muito bom! Muito ótimo!! Fiquei muito feliz.
Isso não vale nada para algumas pessoas.....
Mas pra mim é uma vitória sem nada igual. Vcs não imaginam o que é esperar mais de 10 anos para fazer isso virar realidade.
Na verdade não é esperar cair do céu não....... E sim batalhar, ralar, se dedicar, se abdicar...para isso virar realidade. Fazer acontecer.
Hj não tinha pra ninguém. Mesmo antigos campeões amadores como Marcio Cunha, Sebastian Castelano, Adriano Bastos, Toni Ferreira, Carlucio Fraga, Zé Fabricio, Kako Cassamasso.... Hj não iria ter boca não......hehehehe
Respeitando a todos claro. Sou fã de cada um destes citados ai em cima.
Abraços
ciro

MÁQUINA PRONTA PARA O COMBATE

Essa é a máquina que vou correr o Triathlon Internacional de Santos domingo agora.
É uma TREK modelo Equinox TTX em alumínio com rodas ZIPP e HED3 de carbono, e um guidon Easton de carbono tb.
A bike ta nervosa, parece um Pit Bull. rosnando quando a gente ve ela pela frente. HEHEHE
Hj (sexta) logo pela manhã fiz um teste com a bike em um circuito de 15km na Rodovia Anhaguera. Percurso com subidas leves. Sem nada de vento as 6e45 da manhã, meti
44,1 km/h de média. Achei ótimo!!
Vamo que vamo.......

Triathlon Internacional de Santos

O Triathlon Internacional de Santos reunirá 1.200 atletas em Santos
A 18ª edição do Triathlon Internacional de Santos será nesse domingo em Santos. A prova reunirá grandes nomes da modalidade e terá a largada, chegada e as transições na Praia do Boqueirão. A prova vai reunir mais de 1.200 triatletas de todo o País e de vários países, como Estados Unidos, México, Argentina, Portugal e França.

Tricampeã em 2008, 2006 e 2005 e com um apelo forte de ser a prova onde iniciou a sua carreira, a triatleta Carla Moreno compete disposta a abrir sua temporada com vitória. Além de querer um dos principais títulos do Continente na modalidade, Carla tem um carinho a mais pela prova santista.

“Essa foi a minha primeira prova de triathlon que fiz e todos os anos eu comemoro aniversário. Tem um significado muito especial. Além do mais, Santos é hoje a minha casa, onde moro, treino, está minha família. É uma prova muito significativa e quero competir muito bem”, afirmou.

No masculino, o santista Fred Monteiro já disputou 14 das 17 edições da prova. Quarto colocado nos dois últimos anos e com a vantagem de competir “em casa”, Fredinho quer lugar por um novo pódio.

“Sei que será difícil, pois voltei a treinar há apenas quatro semanas e não estou totalmente condicionado, mas sei que se estiver no dia, posso até surpreender”, avisou o atleta, também quarto colocado no ranking final do Troféu Brasil de Triathlon e vice-campeão do Triathlon Internacional de Lisboa, na distância meio Ironman, ambos em 2008.

Entre os estrangeiros, o norte-americano Ben Collins, campeão mundial amador em 2007, compete disposto a aumentar a lista de títulos do seu país.

Em 17 anos de história, os Estados Unidos já garantiram cinco conquistas no masculino e uma no feminino. Os dois últimos canecos foram comemorados em 2004 e 2005 por Victor Plata, coincidentemente o técnico do Collins.

Aos 25 anos, o triatleta não esconde a expectativa. “Estou ansioso para competir nesta prova, que o meu técnico já venceu. É uma disputa muito conhecida, com credibilidade e estou muito bem preparado”, afirmou o atleta de Seattle, que não terá problemas com adaptação ao clima, por ter competido no domingo no Fast Triathlon, em Guarujá. “Com uma semana de treino aqui, é mais tranquilo”, afirmou.

Engenheiro mecânico, formado pela Universidade de Columbia, Collins começou no triathlon, em 2006, como hobby, enquanto trabalhava para uma pequena empresa de engenharia, em Honolulu, no Havaí, projetando veículos submarinos autônomos. Já em 2007 ganhou projeção ao ser campeão mundial e naquele mesmo ano começou a carreira profissional. Esta é a segunda vez no Brasil. No ano passado, também competiu no Fast.

Além de Victor Plata, os norte-americanos já subiram ao lugar mais alto do pódio com Doug Friman, em 2002, Melissa Mantak, em 93, e com as duas lendas da modalidade, Ken Glah, em 2005, e Scott Molina, na edição de estréia, em 92. Dos 34 títulos já disputados no evento, no masculino e feminino, o Brasil garantiu apenas oito, três no masculino, com Leandro Macedo, em 96, e Paulo Miyashiro, nas duas últimas edições, e cinco no feminino, com Sandra Soldan, em 2003, Gisele Bertucci, no ano seguinte, e Carla Moreno, em 2005, 2006 e 2008.

PROGRAMAÇÃO

A movimentação do Triathlon Internacional de Santos começará ainda no sábado, com a entrega dos kits e o simpósio técnico no Clube Sírio Libanês, no Gonzaga.

Os profissionais receberão as instruções da prova às 15h e os amadores às 17h. Na ocasião, também poderão ser feitas novas inscrições. No domingo, a primeira largada será às 8 horas, na Praia do Boqueirão, em frente à Av. Conselheiro Nébias.

Os competidores disputarão a distância olímpica, com 1,5 km de natação, 40 km de ciclismo e 10 de corrida.
O Triathlon Internacional de Santos tem o patrocínio Gatorade, com o co-patrocínio de Speedo e Santaconstancia. Apoio da Prefeitura Municipal de Santos, Santos e Região Convention & Visitors Bureau, PowerBar e Ecovias. Colaboração do Sistema A Tribuna de Comunicação e transmissão da Sportv. Organização NA Sports.